quinta-feira, 19 de agosto de 2010

RENDENDO MINHA HOMENAGEM AO JONGO

A expressão cultural, a significação do Jongo na preservação de identidade! A oralidade de Mestre Darcy, Jongo da Serrinha dá o tom para que todos nós repensemos nossas práticas! Tudo é possível quando se tem determinação...
video

ESTIMATIVA DE PARABÉNS


Nossa! Há muito tempo não experimentava uma sensação de estar inserida nesse mundo contemporâneo e que precisa aprender a conviver para sobreviver! Agradeço a minha amiga Jana Guinond pelo convite da Estimativa para vivenciar a pluralidade brasileira. Poderia dizer que venci a barreira de um estado de letargia e saí... fui e não me arrependi.
A síntese do convite previa:

O JONGO DA SERRINHA:UM TRIBUTO À MESTRE DARCY
"Um fenõmeno de alegria, batuque e tradição, o Jongo é uma das maiores relíquias da música popular brasileira, sendo considerado um dos pais do samba. O Grupo Cultural Jongo da Serrinha, que foi criado para dar continuidade aos trabalhos de preservação do patrimônio histórico do Jongo, desenvolvidos por Vovó Maria Joana e seu filho Mesre Darcy, têm hoje a Tia Maria do Jongo como sua matriarca. Com muita música e dança o documentário também toca, com humor, em temas como racismo e religião." Documentário de Beatriz Paiva.

Sobre o documentário registro que muitas falas me impressionaram pela grandiosidade do compromisso com a manutenção e preservação das raízes históricas, mas o que mais me chamou atenção foi, sem dúvida, o fator de integração proporcionado pelo Jongo na serrinha e mais, a autoestima de crianças, jovens, adultos e idosos que orgulham-se de suas identidades. É, esse é o nosso Brasil... o Brasil de diversas faces, multicolorido e de uma alegria sem igual... Aprendemos que a resiliência é possível, basta vontade, atitude e ação!